Connect with us

Politica

É “uma questão de justiça incluir África no seio do G20”, defende João Lourenço

Published

on

O Presidente da República, João Lourenço, defendeu, nesta terça-feira, 13, durante o congresso do Exim Bank, em Washington, D.C, que “África conta para a economia global” e que é “uma questão de justiça incluir o continente no seio do G20”.

Recentemente, o presidente dos Estados Unidos da América, Joe Biden, disse que pretende anunciar o seu apoio à União Africana como membro permanente do G20 – o grupo das maiores economias do mundo. De ressaltar que actualmente, a África do Sul é o único país africano membro do G20.

João Lourenço fez esta defesa perante a alta finança norte-americana, homens de negócios e gestores reunidos no congresso que decorre à margem da Cimeira EUA-África.

“Nós contamos para a economia mundial e, por contarmos, acreditamos que África possa ser também parte da solução para os grandes problemas actuais como os ligados à geração de energia”, defendeu o presidente angolano.

Ainda em Defesa da União Africana, João Lourenço pronunciou-se, igualmente, a favor de reformas ao nível do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas para que África tenha assento no órgão.

Iniciativa do presidente Joe Biden, a Cimeira Estados Unidos da América – África, que reúne, em Washington, líderes de todo o continente africano, tem como meta “demonstrar o compromisso norte-americano com África, destacando a importância das relações EUA-África, e maior cooperação em prioridades globais compartilhadas”.

Acompanhado da primeira-dama, Ana Dias Lourenço, o Chefe de Estado encabeça uma delegação ministerial que está a participar de vários painéis ao longo da cimeira, com o objectivo de discutir sobre as perspectivas de cooperação entre norte-americanos e africanos.

Formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, a profissional actua no mercado de comunicação há 18 anos. Iniciou a sua carreira em 2004, apresentando um programa de rádio e logo migrou para a comunicação digital, para a impressa e, posteriormente, a institucional. Tem vasta experiência como web journalist, criação e gestão de redes sociais, tendo participado dos projectos de desenvolvimento de diversos sites, blogs e redes sociais governamentais, privados e do terceiro sector. Reside em Luanda desde 2012, tendo trabalhado como jornalista no portal de notícias Rede Angola, como assessora de imprensa e directora de Comunicação e Operações nas Agências NC - Núcleo de Comunicação e F.O.T.Y, atendendo diversos clientes governamentais e privados. Actualmente trabalha como editora do portal Correio da Kianda.