Connect with us

Lifestyle

DSTV abre concurso para talentos criativos pan-africanos em cinema

Published

on

Estão abertas as inscrições para a iniciativa pan-africana da Academia da MultiChoice Talent Factory (MTF) para a formação de 60 jovens criativos em cinema e televisão para África Austral, Ocidental e a África Oriental para fazerem parte da Turma de 2022.

As candidaturas estão abertas para todos os cineastas emergentes em Angola com alguma experiência no sector ou com uma qualificação pós-escolar relevante em cinema, para se candidatarem a esta oportunidade emocionante de melhorarem as suas competências na produção de televisão e cinema.

Segundo a CEO de General Entertainment & Connected Video do MultiChoice Group, Yolisa Phahle, a MTF Academy representa um compromisso que a distribuidora de TV por satélite tem com o futuro da indústria cinematográfica, razão pela qual “oferece aos jovens Angolanos a oportunidade de melhorarem as suas competências na produção de filmes e televisão, através de um programa de formação de classe mundial”.

Lançada em Maio de 2018, a Academia da MTF já ofereceu até agora a hipótese a 120 alunos de aproveitarem a sua experiência em cinema e TV, transformando-os em profissionais qualificados da indústria. A Turma de 2020 abriu um precedente como o primeiro grupo de alunos a trabalhar durante uma pandemia. Assim, o programa foi prolongado de 12 para 18 meses. Esse tempo adicional permitiu que os alunos se graduassem com duas qualificações em vez de uma.

De acordo com o comunicado da organização, enviado nesta sexta-feira, 04, ao Correio da Kianda, os 60 alunos, juntamente com membros seleccionados do público poderão participar nas Masterclasses da MTF, que são desenvolvidas por vários parceiros da indústria, incluindo a Dolby, CBS Justice e Jasco Broadcast Solutions, oferecendo masterclasses de software AVID, entre outros.

A organização garante ainda que das parcerias em vigor, a New York Film Academy of Visual and Performing Arts (NYFA) mantem o compromisso de conceder bolsa NYFA anual de 8 semanas na Academia em Nova York para o melhor aluno de cada região.

O prazo para os jovens interessados remeterem as suas candidaturas vai até 30 de junho corrente, devendo os mesmos, faze-lo, apenas através do https://cte.multichoicetalentfactory.com/Home/MTFHome. Os candidatos devem ser de um dos três países selecionados, por regiões. Na áfrica ocidental são elegíveis jovens da Nigéria e do Gana. Ao passo que Etiópia, Quénia, Uganda e Tanzânia representam a região oriental do continente africano. Já na região austral, além de Angola, são elegíveis jovens de Moçambique, Zâmbia, Zimbabwé, Botswana, Namíbia e do Malawi.

Lembrar que na edição de 2020 do concurso, os integrantes da turma participaram activamente das sessões virtuais das Masterclasses da MTF e trabalharam na campanha “Pledge to Pause” (PSA – Anúncio de Serviço Público) realizada pela Organização da Nações Unidasa, além de terem realizado curtas-metragens respectivos países de origem, que foram lançadas como parte da série “Cores de África” exibida no Showmax e no canal pop-up M-Net AfroCinema como parte da campanha do Mês de África em Maio.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Daniel Sapateiro
Daniel Sapateiro (1)

Economista e Docente Universitário

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (25)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (87)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (20)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2021 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD