Connect with us

Sociedade

Dois templos da IURD apreendidos pela PGR foram vandalizados

Published

on

Dois templos da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) em Angola foram vandalizados por marginais desconhecidos, na madrugada deste domingo, 27, confirmou à Angop fonte da comissão de reforma da instituição religiosa.

Os casos ocorreram na catedral do bairro Morro Bento, distrito urbano da Samba, município de Luanda, e no cenáculo-sede da província de Malanje, imóveis que se encontram apreendidos pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

Em declarações à Angop, o porta-voz da comissão da reforma da congregação, Gime Inácio, informou que praticamente todo o material usado para a realização de cultos, como aparelhos de som e teclados, foi vandalizado durante os assaltos.

Conforme o religioso, o acto terá sido praticado por 20 a 25 marginais que se apresentaram “fortemente armados”, tendo levado impressoras e ar condicionados, além de partirem os vidros da entrada frontal do templo do Morro Bento.

Afirmou que, apesar da virilidade dos marginais, não houve vítimas humanas.

Já o porta-voz do comando provincial da Polícia Nacional em Luanda, inspector-chefe Nestor Goubel, confirmou que foram roubadas quatro colunas, igual número de unidades de som, três aparelhos de ar condicionado, igual quantidade de amplificadores e um projector de imagens.

Informou que a Polícia Nacional já está a investigar o caso e acções estão em curso no sentido de deter os suspeitos e esclarecer o caso, o mais rápido possível.

Os templos da IURD Angola passaram a ter como fiéis depositários o Instituto Nacional dos Assuntos Religiosos (INAR), ao abrigo de uma recente decisão da PGR sobre um diferendo entre pastores e bispos angolanos e brasileiros.

Por Angop

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Colunistas

© 2017 - 2022 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD