Connect with us

Politica

“Discurso de ódio coloca em perigo progresso das nações”

Published

on

O Secretário de Estado para a Comunicação Social, Nuno Caldas, destacou esta quarta-feira, 31, durante o Fórum Regional dos Ministros da Comunicação e Informação dos Estados Membros da Comunidade Económica dos Países da África Central, na República Centro Africana, a experiência de Angola na prevenção e resposta aos discursos de ódio e incitação à violência.

Nuno Caldas, que participou no evento em representação do Ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social, Mário de Oliveira, referiu que “África é palco dos fenómenos de instigação de ódio, fruto dos conflitos armados”, tendo acrescentado que “o discurso de ódio coloca em perigo o progresso das nações”.

O Secretário de Estado para a Comunicação Social disse que após o conflito armado, “Angola tem pautado por um estado democrático e de direito onde as leias consagram aos cidadãos liberdades fundamentais e diálogo pacífico”.

Decorreu de 30 a 31 de Janeiro em Bangui, na República Centro Africana, o Fórum Regional dos Ministros da Comunicação e Informação dos Estados Membros da CEEAC.

A reunião teve como objectivo a análise e pré-validação da Estratégia Regional, bem como a criação de um Plano de Acção para prevenção e resposta aos discursos de ódio e incitação à violência na África Central.

A actividade das milícias e a violência generalizada tem dificultado o acesso humanitário e expõem os civis a sérios riscos de protecção na região centro-africana. Actualmente, a República Centro-Africana possui 740.212 refugiados e 482.816 deslocados internos devido os conflitos.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas