Connect with us

Partidos Politicos

Dinho Chinguji garante que Njango foi legalizado pelo Tribunal Constitucional

Published

on

O Presidente do Partido Ndanjo, Dinho Chingunji, garantiu nesta segunda-feira, ao Correio da Kianda, que a sua formação política foi legalizada pelo Tribunal Constitucional. Um feito que de acordo com os ex-militante da UNITA, é alcançado depois de 11 anos.

Dinho Chingunji disse que depois de 11 anos de avanços e recuos, nesta segunda-feira, 23, a comissão instaladora do NJANGO foi formalmente constituída Partido Político, aguardando apenas a publicação em Diário da República.

“Após vários anos lutas com altos e baixos, suportando alguns insultos, e até mesmo nos órgãos de comunicação social privados e não só, falando que não teríamos sucesso e nunca seriamos aprovados, mas nós continuamos e acreditamos que angola tem espaço para todos os projectos políticos” disse.

Dinho Chingunji realça que com aceitação do NJANGO os angolanos terão políticos sérios e comprometidos com a causa dos sofredores, que deverão aplicar verdadeiramente questões do combate a corrupção e causas sociais. “Faremos uma política clara e aberta valorizando a nossa cultura e principio da africanidade”.

O NJANGO também terá como missão criar novos lideres políticos. O político, sublinhou que neste ano eleitoral a sua formação política não vai trabalhar unicamente com os seus militantes, mas sim, deverá contar com esforço de todos sem olhar para o passado de cada um. “Quem acredita nas nossas diologia, as portas estão abertas para todos”.

O antigo militante e dirigente da UNITA, disse que a sua formação política, está repleta de jovens capazes e comprometido com Angola e os Angolanos.

Chingunji, garantiu que nestes poucos menos de três meses para realização das quintas eleições gerais no país, os angolanos poderão conhecer algo diferente já mais vista em Angola. O engenheiro de profissão, enfatizou que no dia do voto todos votam massivamente ao NGANJO que saberá reapresentá-los bem no parlamento.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Colunistas