Connect with us

Economia

Diamantes de Angola juntam especialistas nacionais e estrangeiros em conferência internacional

Published

on

Uma conferência internacional sobre diamantes de Angola terá lugar, nos dias 25, 26 e 27 deste mês, na cidade de Saurimo, província da Lunda Sul, onde especialistas do sector e da banca angolana vão debater vários assuntos subordinados ao tema “Angola – destino para o investimento sustentável na indústria de diamantes”.

A referida conferência, que está a ser organizada pelo Ministério dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás, visa, dentre outros objectivos, promover investimento nacional e estrangeiro à indústria diamantífera, e o discurso de abertura será feito pelo Ministro dos Recursos Minerais Petróleo e Gás, Diamantino de Azevedo, além de outros oradores entre nacionais e estrangeiros.

Para o primeiro dia, de acordo com o programa enviado hoje ao Correio da Kianda, a seguir ao discurso inaugural, o Consultor RMG, Anton Lõf, será o primeiro orador do evento que vai centrar-se ao tema ´Rendimentos na indústria diamantífera nos últimos cinco anos´. A disponibilidade e métodos de dados serão pontos chaves da abordagem do especialista.

Estão igualmente previstos discursos do Presidente do Conselho Mundial de Diamantes (WDC), Edward Asscher, do Presidente da Federação Mundial de Bolsas de Diamantes (WFDB), Yoram Dvash, da Alrosa, Sergey Ivanov, bem como do Director de operações Rio Tinto Angola, Paul Hundt, na condição de co-organizadores da Conferência Internacional sobre Diamantes de Angola.

Temas e oradores

Os temas desta primeira Conferência Internacional sobre Diamantes de Angola serão discutidos em sessões de painéis. Assim, a primeira sessão, subordinada ao tema Investigação Geológico-mineira, terá como moderador o Coordenador do centro de investigação e ciências geológica aplicada (CICGA) da Universidade Agostinho Neto, António Olímpio.

Nesse painel, o Plano Nacional de Geologia será o centro das atenções, quando o Coordenador do Comité de Gestão do PLANAGEO, Instituto Geológico de Angola, Nelson Mangala Capalo, apresentar os resultados de áreas com potencial diamantífero. A Gênese dos kimberlitos de Angola; Qualidade das gemas de Angola comparadas com outras produtoras da região, será tema a ser tratado pelo Geólogo da SRK Consulting Canadá, Herman Grütter.

A actual situação da Indústria diamantífera em Angola também será discutida nesse primeiro painel quando os projectos que se encontram em promoção e prospeção serão apresentados aos presentes pelas Administradoras executivas da Agência Nacional de Recursos Minerais e da Endiama, Djanira Santos e Ana Feijó, respectivamente.

A segunda sessão da conferência, denominada exploração de Diamantes em Angola, vai contar com a preleção do Geólogo Herman Grütter, da SRK Consulting Canada, sobre exploração mineira e desenvolvimento de projectos diamantíferos em Angola e uma mesa redonda. Essa discussão de ideias será à base da Exploração de Depósitos Primários e Secundários, um tema para qual também foram convidados o Director ENDIAMA MINING, Pedro Galiano, o Director Geral Projecto Lunhinga, Adérito Gaspar, o Director Executivo, Lucapa Diamond, Stephen Wetherall. A moderação dessa sessão estará a cargo da Directora Geral da Geoangol, N’Djamila Chilunda, Directora Geral da Geoangol.

A experiência e maximização da cadeia de valor de diamantes em Angola é tema da mesa redonda que vai colocar em discussão cinco especialistas, nomeadamente, Sunil Agrawel da KGK, Hélder Milagre da Pedra Rubra, Kelpesh Wagani da Kapu Gems, ainda Sahag Arslannian, e Paulo Fontoura da SPD.

A quarta sessão do primeiro dia da Conferência Internacional de Diamantes de Angola, estará virada para a comercialização do mineiro no mercado mundial. O analista independente da indústria diamantífera, Paul Zimnisky, vai apresentar uma análise do mercado, pesquisa de tendências de Joalharia e dados de laboratório, ao passo que o futuro da industria será tema a ser apresentado Peter Meeus da PME Consulting, quando falar da Bolsa de Diamantes.

Os CEOs da Sarine Technologies, David Block e da O Synova Technologies, duas empresas no sector das TICs vão juntar-se para falar da inovação Tecnológica e logística na indústria diamantífera, na quinta sessão do evento de caris internacional.

À Banca comercial foi reservada uma sessão, que entretanto será moderado pelo Jornalista e e economista Carlos Rosado de Carvalho. A mesa redonda que além do BNA,junta representantes do BFA, BDA, CAIXA Angola, BAI, VTB e BCI, vai abordar as Oportunidades de Financiamento na Indústria Diamantífera de Angola, bem como o Regime Cambial Utilizado na Indústria Diamantífera de Angola.

O segundo dia do evento reserva uma mesa redonda para discutir a responsabilidade social na indústria diamantífera, onde os oito representantes vão discutir sobre os desafios e impactos na comunidade, bem como soluções energéticas e seu papel na viabilização dos projectos mineiros.

O Programa da primeira conferência internacional sobre diamantes de Angola reserva um Getour com visitas à fábrica de lapidação de diamantes, à projectos diamantiferos e ao projecto social da ENDIAMA.

A organização vai igualmente oferecer um jantar de gala no final do evento, a partir das 19 horas, do dia 26 de Novembro corrente.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Daniel Sapateiro
Daniel Sapateiro (25)

Economista e Docente Universitário

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (27)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (91)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (22)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania