Connect with us

Sociedade

Detida cidadã acusada de assassinar filha em ritual para ter dinheiro

Published

on

Foi detida pelo Serviço de Investigação Criminal a cidadã, de 25 anos, acusada de assassinar a filha de dois anos por crença ao feiticismo.

De acordo com o SIC, o facto aconteceu no município de Cacuaco, concretamente no bairro Morro Santo, quando a cidadã, incentivada pela tia a fazer o sacrifício para conseguir melhores condições de vida, e supostamente voltar com o marido de quem estava separada há onze meses, assassinou a criança asfixiada.

Em declarações, a acusada explica que foi até ao monte onde considera ser o lugar que Deus ouve as preces e atende os sacrifícios das pessoas, asfixiando a filha e posteriormente jogando no rio.

Como já noticiado pelo Correio da Kianda, de regresso a casa e sem a criança, a jovem comunicou ao marido que a filha tinha desaparecido no “monte santo”.

No entanto, o corpo da menina que vivia com a avó devido as agendas de trabalho dos pais, foi encontrado três dias depois pelo SIC.