Connect with us

Brasil

Deslizamento de terra mata 36 pessoas e deixa 40 desaparecidos

Published

on

Um total de 36 pessoas perderam a vida e pelo menos 40 estão desaparecidas, no litoral Norte de São Paulo, em consequência dos deslizamentos de terras provocados pelas chuvas que se abateram no último fim de semana naquela região do Brasil.

Casas destruídas e outras inundadas, árvores caídas, carros soterrados e ruas intransitáveis é o cenário que se pode observar em função das chuvas torrenciais que se abateram em São Sebastião.

As autoridades locais afirmam que além dos números avançados pelo autarca da região, há ainda muitas pessoas que continuam soterradas, sendo que neste momento, a principal preocupação das autoridades “é resgatar as pessoas que ainda estão nos escombros”.

As chuvas afectaram toda região costeira do São Paulo, mas São Sebastião é que regista maiores prejuízos.

O Presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva, sobrevoou, de helicóptero, nesta segunda-feira, 20, toda a região afectada para constatar os estragos provocados pelas chuvas.

Lula da Silva garantiu, na declaração que fez à imprensa, que o seu governo está aberto a iniciativas que visem acudir os sinistrados.

“O ministro e o governador estarão dispostos a conversar para que a gente compartilhe, para que a gente faça uma parceria para recuperar efectivamente, de verdade, o estrago que a chuva fez aqui em São Sebastião”, prometeu.

No terreno mais de meio milhão de operacionais afectos aos serviços de bombeiro, polícia e médicos a prestar socorro. Dezenas de viaturas foram colocadas a disposição para acudir a situação.