Connect with us

Politica

Deputados do MPLA visitam os 164 municípios do país

Published

on

Os deputados do MPLA iniciam na quarta-feira visitas aos 164 municípios do país, para avaliar o grau de implementação do Programa de Intervenção Integrado nos Municípios (PIIM).

O presidente do grupo parlamentar do MPLA , Américo Cuononoca, que anunciou o facto em conferência de imprensa, adiantou que os parlamentares vão igualmente inteirar-se sobre o grau de execução do OGE /2019, com destaque para projectos de investimentos públicos , fundamentalmente no sector social e o impacto na vida das populações.

Os deputados pretendem também ouvir as autoridades locais e os membros do Concelho de Auscultação e Concertação Social sobre as acções prioritárias que gostariam de ver incluídas no OGE para 2020.

Sobre a seca no Sul do país, o político defendeu a criação de programas de retenção de água para que a população não sofra. “É preciso planos e programas viáveis e definitivos no sentido de fazer a retenção de água e a construção de barragens e desvio dos vários rios”, sublinhou, indicando que a solução para o Sul de Angola passa pela construção de barragens.

Américo Cuononoca sugeriu aos governos locais a incentivar os criadores de gado a trocar os animais com cereais. Segundo o parlamentar, nestes dois anos em que se deu a situação da seca, o Executivo tem estado a trabalhar para minimizar as consequências deste fenómeno.

Reconheceu que a situação sócio -económica do país “ não é das melhores”, uma vez que o preço do petróleo continua a oscilar.

Américo Cuononoca lembrou que o partido identificou a corrupção, a impunidade, a bajulação e o nepotismo como males que afectam negativamente a sociedade. Por isso, Defende a intervenção da sociedade e das igrejas como reserva moral.
Quanto à proposta da UNITA para que o Presidente da República declare o estado de emergência, Cuononoca afirmou que o país já passou por situações mais graves e o Governo “nunca declarou situação de emergência”.

 

C/ JA

Colunistas