Connect with us

Politica

Deputados da CASA-CE solidarizam-se com sindicato pela morte do médico Sílvio Dala

Published

on

Os deputados da bancada parlamentar da CASA-CE realizaram, nesta terça-feira, 15, uma visita ao Sindicato dos Médicos de Angola onde foram recebidos pelo seu presidente e outros membros deste órgão sindical.

Durante a conversa, o grupo de deputados chefiado por Alexandre Sebastião André, prestou solidariedade ao sindicato e mostraram-se preocupados com as sucessivas mortes provocadas pelos agentes da polícia.

“Estamos aqui para prestar a nossa solidariedade pela morte do dr. Sílvio Dala e de todas as vítimas provocadas pela polícia durante a fase de pandemia da covid-19 no país”, destacou o líder do grupo parlamentar da CASA-CE.

A vice-presidente do grupo parlamentar da CASA-CE, Cesinandra Xavier, disse, à margem do encontro, que a visita a esta instituição sindical serviu como forma de auscultar por parte do sindicato as verdadeiras razões em volta da morte do médico pediatra e de estarem informados sobre o estado da saúde no país.

“Nós, enquanto deputados eleitos pelo povo, de forma alguma poderíamos continuar impávidos e serenos mediante este quadro. Durante esses oito meses da pandemia temos estado a assistir a morte de diversos pacatos cidadãos por falta de uso da máscara, que culminou com a morte do doutor Sílvio Dala”, declarou.

Cesinandra Xavier defendeu a materialização imediata para a resolução dos diversos problemas que os hospitais e os médicos enfrentam durante o exercício das suas funções.

“Não é nada, mais nada mesmo relativamente às condições sociais, políticas e económicas no nosso país. Isso é mais um rescalde que temos apreciado no nosso dia-a-dia, e nós sabemos que os médicos tem sido martirizados e que precisam de soluções imediatas, porque têm tido dificuldades”, sublinhou.

“Os médicos reivindicam por melhores condições, não têm reconhecimento e aqui não há valorização dos quadros, não apenas da classe média, mas também em todas as áreas”, alegaram.

O presidente do sindicato, Adriano Miguel, e outros integrantes da direcção, também se manifestaram, agradecendo o apoio dos parlamentares, solicitando a ajuda costumeira na criação de mais emendas a favor dos médicos.