Connect with us

Eleições 2022

Cuanza-Norte: Adalberto apela ao voto em massa para alternância inclusiva

Published

on

O candidato e presidente da UNITA, Adalberto Costa Júnior, apelou nesta terça-feira, 15, aos potenciais eleitores do Cuanza-Norte, a votarem em massa no seu partido no dia 24 de Agosto.

O líder do Galo Negro fez o apelo durante o acto político de massa na cidade de Ndalatando, no âmbito da campanha eleitoral.

Faltando oito dias para os angolanos irem às urnas exercerem os seus direitos ao voto, o Presidente do maior partido na oposição continua apresentar o seu programa de governo e manifesto eleitoral, para os próximos cinco anos.
Discursando perante os seus militantes, simpatizantes, amigos do Cuanza-Norte, Adalberto Costa Júnior, garantiu, caso a UNITA vença as eleições, vai governar para todos sem exclusão.

Num discurso de quase duas horas, o candidato a presidente da UNITA, ovacionados pelos seus apoiantes, denunciou aquilo que considera como “violação das normas do processo eleitoral”.

“Nós não estamos a pensar UNITA, nós estamos a pensar Angola”, disse, sublinando que “estamos a pensar país e nação”, frisou o político.

Adalberto Costa Júnior garantiu também uma governação inclusiva, na sua visão, nesta altura o partido de regime, é que devia pensar neste sentido de governo inclusivo.

O presidente da UNITA voltou a invocar a suposta fraude que está ser preparada pela comissão Nacional Eleitoral (CNE), por até ao momento não publicar os cadernos eleitorais, razão pela qual o candidato nº 3 no boletim de voto, entende que “este governo não deve continuar a governar”.

O líder dos maninhos apelar a maioria qualificada às eleitores do Cuanza-Norte, no dia 24 deste mês, para mudar o actual quadro político e social.

O politico disse também que não é o seu partido quem será o beneficiário, pelo contrário, será o país que terá um compromisso de desenvolvimento.