Connect with us

Sociedade

Crise na IURD: fiéis entram em pancadaria dentro do templo

Published

on

A crise na Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) em Angola continua a ganhar vários contornos. Desta vez, na cidade do Lubango, na Huíla, um membro desta denominação religiosa foi ferido, na sequência de um confronto entre as alas angolana e brasileira.

O episódio aconteceu, na manhã deste sábado, 21, quando os fiéis da ala contra a Comissão de Reforma protestavam no interior da Catedral da IURD na cidade do Lubango. Cantavam e exibiam cartazes com dizeres “Não aceitamos a reforma, o caos é injusto. A reforma é pior que o ladrão. Queremos a nossa igreja”, entre outros, e partiram para agressões contra os irmãos de fé.

Em meio a fúria dos protestos dos crentes, rompiam janelas e portas da catedral e também proferiam palavras ofensivas, que precisou da intervenção dos agentes do Comando Provincial da Polícia Nacional na Huíla.

Um dos obreiros, em declaração ao Jornal de Angola, disse exigir “o encerramento da Catedral do Lubango imediatamente e a restituição de todo património da igreja e, acima de tudo, a reposição do bom nome da igreja e o respeito pelos direitos de cada membro comprometido com os ideais dessa denominação”.

A sede catedral da IURD na cidade do Lubango é o maior templo desta igreja, da província da Huíla, situada na rua Deolinda Rodrigues, no bairro Comercial, Zona 4 urbano.

IURD: advogados dizem que encerramento de templos foi uma medida exagerada da PGR

Continue Reading
1 Comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *