Connect with us

Mundo

Covid-19: vacina chinesa começa a ser testada no Brasil

Published

on

A vacina chinesa contra o coronavírus produzida pelo laboratório Sinovac-Biotech, que será testada no Brasil em parceria com o Instituto Butantan, desembarcou na madrugada desta segunda, 20, naquele país.

As 20 mil doses serão distribuídas em doze centros de seis estados brasileiros: São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Distrito Federal.

As primeiras doses serão aplicadas amanhã, em profissionais seleccionados no Hospital das Clínicas de São Paulo. Depois disso, começam os testes em outros centros. Mais de um milhão de pessoas acessaram a plataforma de inscrições lançada pelo governo de São Paulo para recrutar os voluntários, todos da área de saúde.

No total, 9.000 vão ser seleccionados para fazer parte do experimento. Os cientistas do Instituto Butantan estão optimistas.

A vacina chinesa é uma das que está em fase mais adiantada de testes. A previsão é que em Dezembro já se tenha uma conclusão definitiva sobre a eficácia dela.

Estando aprovada, os grupos prioritários, como idosos, pessoas com comorbidades e profissionais de saúde, poderão receber a vacina no Brasil já no primeiro trimestre de 2021.