Connect with us

Politica

Covid-19: Saúde libera construção e manutenção de campas fúnebres

Published

on

O Ministério da Saúde (MINSA) liberou a construção e manutenção de campas fúnebres provisórias de pessoas portadoras de covid-19, no momento da sua morte, podendo também ser visitadas e cuidadas pelas famílias.

A medida é justificada pela ministra da Saúde, tendo em conta o actual acúmulo de conhecimento científico, baseado em evidências acerca da covid-19 a nível mundial que “confirmaram pressupostos técnicos iniciais e também surgiram novas orientações sobre a construção e manutenção das campas fúnebres de pessoas portadoras de covid-19, no momento de sua morte”.

Embora o documento tenha sido assinado pela ministra Sílvia Lutucuta a 03 de Fevereiro de 2023, o mesmo foi divulgado à imprensa esta segunda-feira, 06, coincidentemente no mesmo dia em que um vídeo posto a circular nas redes sociais denunciava a “campa simples” na qual havia sido sepultado o político Sérgio Luther Rescova.

Em resposta, a família do antigo governador de Luanda e do Uíge, justificou a simplicidade devido as medidas de biossegurança orientadas pelo Ministério da Saúde para àqueles que faleceram de covid.19, como descreve o laudo técnico de Rescova, falecido a 09 de Outubro de 2020.

Com esta liberação, a família do político está autorizada a construir a campa à altura de uma das figuras mais carismáticas do partido no poder, MPLA.

Família justifica “túmulo simples” de Luther Rescova

Formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, a profissional actua no mercado de comunicação há 18 anos. Iniciou a sua carreira em 2004, apresentando um programa de rádio e logo migrou para a comunicação digital, para a impressa e, posteriormente, a institucional. Tem vasta experiência como web journalist, criação e gestão de redes sociais, tendo participado dos projectos de desenvolvimento de diversos sites, blogs e redes sociais governamentais, privados e do terceiro sector. Reside em Luanda desde 2012, tendo trabalhado como jornalista no portal de notícias Rede Angola, como assessora de imprensa e directora de Comunicação e Operações nas Agências NC - Núcleo de Comunicação e F.O.T.Y, atendendo diversos clientes governamentais e privados. Actualmente trabalha como editora do portal Correio da Kianda.