Connect with us

Politica

Contenção de ravinas na Lunda Norte irá custar 15 mil milhões de kwanzas

Published

on

As obras de contenção e estabilização de ravinas na província da Lunda Norte irão custar aos cofres do Estado 15,09 mil milhões de kwanzas (27,45 milhões de euros).

Segundo Despacho Presidencial, datado de 19 de Janeiro, o Titular do Poder Executivo autoriza a despesa e a abertura do Procedimento de Contratação Emergencial para a adjudicação dos contratos, “para se repor a circulação rodoviária naquelas localidades e limitar o impacto das ravinas”.

Numa primeira fase, serão intervencionadas as ravinas de quatro municípios, nomeadamente, Chitato, Cuango, Cuilo e Lucapa.

O Despacho Presidencial nº07/23 classifica as obras como emergenciais “por não ser aconselhável outro tipo de contratação, devido à sua morosidade, tendo em conta a progressão acelerada das ravinas em diversas localidades da província da Lunda Norte, onde existem 84”.

Com esta intervenção, o Executivo “visa a preservação das infra-estruturas habitacionais, estradas, bens de consumo e o sistema de abastecimento de água, evitando, deste modo, a destruição e danos que podem ser causados pelas ravinas”.

De acordo com o comunicado do Ministério das Obras Públicas Urbanismo e Habitação, cerca de 742 ravinas foram inventariadas em todo o país.