Connect with us

Sociedade

Condutor do Audi que danificou Porto de Luanda encontra-se detido

Published

on

Após várias especulações sobre quem seria o condutor do Audi que embateu contra a estrutura do terminal de passageiros do Porto de Luanda, no fim-de-semana, na manhã de hoje começaram a circular informações do registo da polícia feito no sábado, 08, dia do incêndio, a dar conta que o responsável pelo ocorrido chama-se Evanildo Bráulio Rosário, 31 anos, residente no Patriota.

Evanildo Rosário fazia-se acompanhar por outros três ocupantes, cujos nomes não foram divulgados. Segundo o registo, o motorista saiu ileso. Os quatro ocupantes da viatura foram socorridos pela ambulância do INEMA para o hospital Maria Pia e, posteriormente, encaminhados para a 4º esquadra para prestarem declarações, tendo o condutor ficado detido.

O acidente ocorreu por volta das 20h35, no sentido Ilha de Luanda, Hotel Presidente. A viatura terá perdido os travões, subindo o Largo 17 de Setembro, e embateu contra o passeio de fronte ao Terminal de Catamarã, causando danos materiais ao restaurante.

Na origem do acidente estariam “velocidade excessiva aliado a condução em estado de embriaguez”. O condutor  “não conseguiu dominar o seu veículo, pelo que despistou indo embater contra o estabelecimento do Porto de Luanda”, aponta o registo ao qual o Correio da Kianda teve acesso.

Em declarações esta segunda-feira, 10, o presidente do Conselho de Administração do Porto de Luanda, Alberto Bengue, garantiu que os trabalhos de recuperação da área afectada no incêndio já começaram e deverão estar finalizadas num prazo de vinte dias.

Obras de recuperação do Porto de Luanda concluídas em vinte dias