Connect with us

Sociedade

Condenado a seis anos de prisão professor de educação física que violou aluna

Published

on

Foi condenado a seis anos de prisão efectiva pelo Tribunal de Comarca do Lubango, o professor de Educação Física, Rosário Cassinda Calembela, pelo crime de abuso sexual da menor de 16 anos, por sinal sua aluna.

De acordo com o juiz da causa, Tchissoca Tchinedele, ficou provado que em Março do ano em curso, o arguido manifestou a pretensão de namorar à vítima e em Abril, em plena escola, pediu a mesma que fosse ao seu gabinete, tendo perguntado em que disciplinas tinha notas baixas, ao que a ofendida enumerou Matemática, Física e História.

No mesmo diapasão, o réu disse que poderia ajudar, caso ela comparecesse em sua casa no dia seguinte, passando a mandar mensagens telefónicas amorosas e exigiu que a menor enviasse pelo Whatsapp fotografias suas desnudadas, caso contrário poderia reprovar.

Com medo, a adolescente foi à residência do mesmo, que a levou ao quarto onde “forçosamente a beijou, despiu-a e consumou o acto”.

O juiz explicou que a menor foi submetida a exame que comprovou o abuso.

O professor, de 33 anos de idade, colocado no Complexo Escolar nº 75, localizado no município do Lubango, é também árbitro assistente internacional de futebol.