Connect with us

Politica

Comissão acredita ter encontrado ossadas de Ana Savimbi

Published

on

A Comissão para a Implementação do Plano de Reconciliação em Memória das Vítimas dos Conflitos Políticos (CIVICOP) informa ter encontrado ossadas, alegadamente de algumas figuras das antigas FALA, braço armado da UNITA, no Luando, Iocalidade do Tchanji, município do Cuemba, província do Bié.

Dentre os restos mortais, a CIVICOP avança que deverão estar as dos generais Armando Júlio (Tarzan), Altino Bango Sapalalo (Bock), Antero Vieira, António Perestelo Moura, bem como de Ana lsabel Paulino Polipossa “Ana Savimbi”, uma das mulheres do antigo líder do Galo Negro, Jonas Savimbi.

Além dos cidadãos citados anteriormente, presumivelmente assassinados a mando do então presidente fundador da UNITA, também foram encontradas ossadas de uma menina com idade compreendida entre 11 a 14 anos de idade, cuja identidade é desconhecida.

Criada em Abril de 2019, pelo o Presidente da República, João Lourenço, a CIVICOP, tem como objectivo elaborar um plano geral de homenagem às vítimas dos conflitos políticos, ocorridos em Angola, entre 11 de Novembro de 1975 (Dia da Independência) e 4 de Abril de 2002 (fim da guerra).

O Plano de Reconciliação em Memória às Vítima de Conflitos Políticos prevê, entre outras questões, a emissão de certidões de óbito e a construção de um memorial único para todas as vítimas dos conflitos políticos registados no país.

Funciona como uma plataforma através da qual o país lida com os episódios de violência física ou espiritual e os mecanismos que proporcionam o diálogo convergente e evita factores que possam enfraquecer as bases para a construção da paz e reconciliação nacional.

Depois de já ter estado no Cuando Cubango, a CIVICOP trabalha agora naquela localidade da província do Bié.

https://correiokianda.info/general-miala-chefia-delegacao-da-civicop-na-jamba/

Colunistas