Connect with us

Sociedade

Cidadãos de Malanje preocupados com aumento da criminalidade

Published

on

O aumento dos crimes de assalto a mão armada, violações sexuais, vandalização de bens públicos e burlas preocupa os cidadãos na província de Malanje.

De acordo com os residentes, o clima de insegurança pública aumentou nos últimos dias, e com recurso a armas de fogo, armas brancas e outros meios contundentes, os meliantes fazem os assaltos a luz do dia e têm como preferência os mercados informais.

Segundo relato das vendedeiras do Mercado Municipal de Malanje, o caso mais recente tratou-se do roubo de cinco milhões de kwanzas a uma peixeira, além dos casos de burlas que tomam igualmente contornos preocupante.

E o chefe de Departamento do INEMA, Moisés Francisco, relatou que as ambulâncias do Instituto Nacional de Emergências Médicas de Angola (INEMA) são igualmente vandalizadas por cidadãos.

Entretanto, apesar do registo de 500 crimes com destaque para os roubos com recurso a armas de fogo, furtos, ofensas à integridade física e abusos sexuais de menores, as autoridades negam aumento de criminalidade na província, segundo o porta-voz da Delegação Municipal do Interior em Malanje, inspector-chefe Simão Cambambe.

Colunistas