Connect with us

Sociedade

Cidadão morto por dívida de um cabrito

Published

on

Três homicídios destacam-se entre os 75 crimes registados nos últimos sete dias, 17 a mais que o igual período anterior, pela Polícia Nacional na Huíla, um dos quais envolve um agricultor 38 anos foi espancado até à morte no município da Chibia, por dívida de um cabrito contraída em 2016.

Em declaração à Angop hoje, quinta-feira, nesta cidade, o porta-voz da Polícia Nacional, superintendente Carlos Alberto, informou que o crime aconteceu no sector da Mutue Wandjamba pelas 14 horas, em plena via pública, o acusado está em fuga.

Segundo a fonte, o acto sucedeu quando o acusado em estado de embriaguez muniu-se de vários instrumentos contundentes e dirigiu-se à casa da vítima para cobrar a referida divida, tendo este alegando não dispor de valores, o suspeito partiu então para violência, desferindo vários golpes na cabeça do cidadão que teve morte imediata.

O segundo caso aconteceu no município da Jamba, quando um cidadão, ainda não identificado, foi morto à paulada, quando tentava roubar uma motorizada no interior de uma instituição pública, foi agredido pelo guarda e foi transportado para o hospital onde veio a falecer. O acusado de 42 anos de idade já está detido.

O último caso teve lugar no município do Lubango, no bairro “A Luta Continua”, em que foi vítima um cidadão de 35 anos de idade por arremesso de pedra, a pois ter sido interpelado por supostos marginais quando se dirigia para sua casa, que resultou em desentendimento.

Dos 75 crimes registados pela polícia, foram esclarecidos 55 casos e detidos 64 cidadão mais 15 em relação ao igual período anterior como presumíveis autores dos delitos referenciados.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *