Connect with us

Sociedade

Cidadão condenado no Vietname por tráfico de chifres de rinoceronte em Angola

Published

on

Um cidadão de 36 anos, de nacionalidade vietnamita, foi condenado a uma pena de prisão de 12 anos, por um tribunal de Hanói, capital do Vietname, por tráfico de chifres de rinoceronte e presas de elefante abatidos em Angola.

Segundo a organização Educação para a Natureza Vietname, são cada vez mais numerosas as detenções de indivíduos por crimes cometidos em África contra a vida selvagem.

A directora adjunta desta organização disse estar satisfeita por verificar que está a ser combatido com eficácia este tipo de criminalidade.

O acusado, Ninh Ba Dien, foi, segundo a imprensa, detido no mês de Abril, no Aeroporto da capital vietnamita, na posse de partes de chifres de rinoceronte e presas de elefante.

A ENV explica que o homem foi contratado para levar de Angola para o Vietname alguns pacotes com um total de 12 quilogramas de chifres de rinoceronte e cinco quilogramas de marfim de elefante.

Tanto elefantes como rinocerontes são espécies em perigo de extinção e integram a Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais das espécies ameaçadas.