Conecte-se agora

Opinião

Uma chamada de atenção geral a população

Redação

Publicados

on

Está havendo um índice elevado de raptos seguido de assassinatos onde a maioria das vítimas são mulheres que na maioria das vezes são obrigadas a fazerem levantamentos de dinheiro em multicaixa, são violadas e assassinadas, jogadas em qualquer sítio. Alerta geral à toda população, principalmente meninas a não circularem em ruas isoladas sozinhas, não conduzirem fora de horas sozinhas ou com crianças, reduzirem as saídas nocturnas e consumo de álcool, evitarem amizades por conveniência.
Raptores, bandidos, crimonosos, etc, pode ser qualquer um, o teu vizinho, o teu colega, um familiar, um doutor, um empresário, etc… criminosos conduzem até carros de alta gama, por isso toda atenção é pouca.

Quando vão as ruas procuram estarem sempre acompanhados de alguém e terem muita atenção as pessoas ou carros ao redor.

A todos aqueles que perderam alguém próximo vítima dessa barbaridade que está assolando a nossa cidade capital, as minhas mais sentidas condolências.

Um Apelo a nossa Polícia Nacional para que acabe com esse terror.

Continue Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Colunistas

Ana Margoso
Ana Margoso (14)

Jornalista

António Sacuvaia
António Sacuvaia (224)

Editor

Diavita Alexandre Jorge
Diavita Alexandre Jorge (12)

Politologo

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (12)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (12)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (58)

Jornalista

Victor Hugo Mendes
Victor Hugo Mendes (9)

Jornalista e Escritor

Walter Ferreira
Walter Ferreira (6)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

Publicação