Connect with us

Economia

Catoca: ministro constata grau de cumprimento das obras da bacia de rejeitados

Published

on

O ministro dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás, Diamantino Azevedo, visitou no último fim-de-semana, a Bacia de Rejeitados, que se rompeu em Junho de 2021, na Vila Mineira de Catoca, na província da Lunda Sul, para conferir o cumprimento das orientações deixadas, há um ano, aquando da sua primeira visita ao projecto.

Diamantino Azevedo visitou também o projecto Luaxe.

“A nossa visita a esses dois empreendimentos fazem parte do nosso programa de acompanhamento dos projectos mineiros, mas nesse caso concreto, viemos no sentido de olhar para a bacia de rejeitados de Catoca, como sabe, houve um acidente que provocou alguns aspectos ambientais, com lamas que foram parar aos afluentes e aos rios circundantes, que no entanto foram resolvidos, e foi traçado um programa para melhoria da bacia de rejeitados para que se evite no futuro, situações idênticas”, disse, o governante.

O ministro reconheceu, no entanto, que as orientações que havia deixado, foram cumpridas pelas equipas que trabalham na bacia, com vista a “reduzir ao máximo qualquer possibilidade de ocorrência de incidentes que afectem o ambiente”, resumiu Diamantino Azevedo citado no mesmo documento.

Já em relação ao Luaxe, recomendou a busca de “ideias e soluções alternativas para contornar alguns desafios que se colocam ao projecto”, cuja Central de Tratamento de Minério está já em construção.