Connect with us

Sociedade

Cacimbo terá frio intenso na maioria das províncias, informa INAMET

Published

on

A época de calor terminou esta segunda-feira, 15, dando início, oficialmente, a do frio, também conhecida como Cacimbo. Segundo o director do Instituto de Meteorologia e Geofísica (INAMET), inicialmente, a mudança de clima vai ser gradual: “hoje é apenas um dia de transição”.

“Nos primeiros dias, as mudanças ainda não vão ser sentidas com as características próprias do Cacimbo, em particular nas províncias localizadas no Norte do país”, disse, ao JA online, João Afonso. Contudo, na Região Sul, as temperaturas já começaram a baixar gradualmente. “Por exemplo, a temperatura da estação meteorológica de Ondjiva registou um mínimo de 13ºC no dia 13 de Maio de 2023, devido à latitude em que se encontra”.

Para os meses de Junho, Julho e Agosto deste ano o INAMET prevê valores de temperaturas mínimas mais baixos, ou seja, inferiores a 8ºC, ou relativamente mais frio, nas províncias do Bié, Huambo, Moxico, Huíla, Cunene e Cuando Cubango.

Já as províncias do Namibe, Benguela, parte Oeste do Cuanza Sul, Cuanza Norte, Uíge, a zona Norte de Malanje, Lunda Norte e a Região Leste da Lunda Sul, os valores mais baixos vão estar entre os 10ºC e 15ºC.

“As províncias que vão registar, relativamente, menos frio, são as de Luanda, Bengo, Zaire e Cabinda, com valores de temperaturas mais baixas, compreendidas entre 16ºC e 20ºC”, informou, o director do INAMET.

Colunistas