Connect with us

Sociedade

Cabinda: SIC detém funcionário da TAAG por venda ilegal de bilhetes de passagem

Published

on

Um funcionário de escala da TAAG em Cabinda foi detido, esta terça-feira, 13, por alegado envolvimento no esquema de venda ilegal de lugares em voos da companhia com destino a Luanda.

A detenção foi realizada pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC), numa acção conjunta com a Inspecção Geral da Administração do Estado (IGAE), apurou a Angop.

O delegado da IGAE em Cabinda, José Manuel, referiu estarem a acompanhar “minuciosamente e com muita atenção”, o processo ilegal de venda de lugares, com o objectivo de desmantelar a rede existente e repor o bom ambiente nos serviços prestados pela TAAG na província.

“Temos recebido muitas denúncias sobre este esquema de venda de lugares, no aeroporto de Cabinda, e, desta vez, foi detido um dos funcionários da loja, que efectuava cancelamentos de lugares, com reservas feitas, para passá-los ilegalmente a terceiros”, esclareceu.

O cidadão em causa foi detido, após denúncia de um passageiro, a quem foram cobrado 30 mil kwanzas para um lugar no voo da TAAG, de domingo último, com destino a Luanda.

Por Angop