Connect with us

Sociedade

Bolseiros do INAGBE voltam a protestar devido atraso dos subsídios

Published

on

Os estudantes bolseiros internos do INAGBE começaram hoje uma manifestação para exigir o pagamento do subsídio de 50% dos estudantes que aguardariam até ao dia 20 do mês em curso, como anunciava um comunicado oficial da instituição divulgado no dia 10 do mesmo mês.

“O INAGBE não efectuou o processamento dos subsídios dos estudantes de mérito em suas contas, então, ao invés de efectuarmos a reclamação, estamos a sair as ruas para manifestarmos o nosso descontentamento junto as instalações do INAGBE, posteriormente ao Ministério do Ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação e findará no Ministério das Finanças”, escreveu um estudante ao Correio da Kianda.

“Precisamos que se resolva o mais rápido possível a nossa situação, pois o novo lectivo está preste a começar. Manifestaremos também pela destituição do actual Director do INAGBE, Milton Chivela, pela má gestão que o mesmo tem demonstrado”, protestou.

O INAGBE emitiu na segunda-feira, às 22h, um comunicado a esclarecer o motivo do atraso no pagamento do subsídio dos outros 50% de estudantes, referindo que dado o feriado do dia 16, o banco apenas começou a processar o pagamento ontem, o qual poderá estar concluído durante a semana.

“Conforme é do conhecimento da comunidade estudantil, estava previsto para até o final do dia 20 de Setembro o pagamento do complemento de bolsa referente ao ano académico 2020/¬21 para todos estudantes em formação superior a nível de graduação(licenciatura), que foram alvos de selecção para bolsa de estudo interna, lamentavelmente isto não se concretizou, por razões alheias a nossa vontade.

No passado dia 16, foi remetido ao Banco o ficheiro de pagamento, porém dada a observância do feriado nacional ocorrido no dia 17 do mês em curso, o banco apenas começou a executar o referido ficheiro no dia de hoje, tendo este notificado o INAGBE sobre a impossibilidade de concluir o mesmo até o final do dia, assim sendo, é nosso entendimento que o ficheiro será concluído na totalidade no decorrer da semana em curso”, lê-se numa nota divulgada na página, do Facebook.

O comunicado do INAGBE, do dia 10, que saiu na sequência da greve dos estudantes, esclareceu que o pagamento seria de forma faseada, isto é, pagariam 50% dos bolseiros com médias inferiores a 14 valores no mesmo dia, e os estudantes com média igual ou superior a 14, no dia 20, e quem não encontrasse dinheiro na conta, teria um período de reclamações que vai até 24 de Setembro.

Por Pedro Kididi 

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Daniel Sapateiro
Daniel Sapateiro (18)

Economista e Docente Universitário

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (25)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (89)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (21)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania