Connect with us

Economia

Biocom bate recorde de produção de açúcar

Published

on

A Biocom continua determinada no processo de diversificação da economia do país e alinha-se com a estratégia do Governo, no Programa de Apoio à Producão, Diversificação das Exportações e Substitituição de Importações (PRODESI). Do dia 26 de abril até o momento, a Empresa já superou em 2 mil toneladas a produção da safra passada e continua empenhada em alcançar as metas planeadas.

“Fico muito contente em ver a agricultura do país a desenvolver-se. Tenho muito orgulho de trabalhar na Biocom, poder plantar a cana, ver crescer, colher e produzir o açúcar Kapanda, que é um produto 100% nacional. A Biocom possibilita dar sustento à minha família e valoriza muito a nossa terra”, disse o Trabalhador Rural, Antonio João.

Para além de já ter superado a produção da Safra anterior, a Empresa continua empenhada em, a cada colheita, aumentar a produção.

“Estamos a trabalhar para aumentarmos a produção do açúcar Kapanda”, fala o responsável pela área Industrial, Jefferson Fernandes.

Com um efectivo de 2.995 trabalhadores, a Biocom é a maior empresa privada do sector não petrolífero, participando, desta forma, na redução do índice de desemprego. Vale ressaltar que 95% dos Integrantes da Biocom são cidadãos nacionais, sendo que os 5% de expatriados têm o compromisso de transmitir conhecimento, melhorando assim, a formação técnica dos angolanos, o que permitirá que, até a maturidade, a Empresa possa ter um efectivo de apenas 2% de profissionais estrangeiros no seu efectivo.

Para além dos empregos directos, a Biocom fomenta, no município de Cacuso – Malanje, milhares de empregos indirectos, criando desta forma uma verdadeira cadeia de geração de renda para várias fámilias, gerando inúmeros benefícios socio-económicos para a região.

“O crescimento do Municipio de Cacuso da Provincia de Malanje, onde a Biocom está inserida, tem trazido muitos benefícios para a região. Um exemplo disso é que, actualmente, Cacuso já possui filiais das principais agências bancárias do país”, explica o Director Geral Adjunto da Biocom, Engº Luis Bagorro Júnior.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *