Connect with us

Angola que dá certo

Bié: produtor de batata planeia exportar para a Namíbia e os EUA

Published

on

Apesar do crescimento de casos de covid-19, a fazenda Alfeu Vinevale, na província do Bié, prevê sair das quatro mil toneladas de batata para 6.500 toneladas produzidas até o fim do ano 2020, e incentiva outros empresários a apostar em novas áreas de negócios ligadas ao agro-negócio.

Considerado maior produtor de batata-rena na província do Bié, o fazendeiro Alfeu Vinevale, disse que a produção naquela região central de Angola registou um aumento considerável de batata rena.

O empresário afirma que para dar resposta à procura, a fazenda prevê sair das quatro mil toneladas de batata para 6.500 toneladas produzidas até o fim do corrente ano, um crescimento de mais de 60% em relação aos anos anteriores. Alfeu Vinevale entende também que o mercado está desejável, salientando que a crise não foi capaz de impedir a produção e a procura dos produtos.

O produtor destacou que, mesmo com as complexidades nas taxas de importação de alguns produtos, verificou um aumento da produção internamente e admite que poderá elevar a produção do feijão, do trigo, do milho, e da banana.

O empresário Alfeu Vinevale avança ainda que estes produtos servirão para concretizar o plano de exportação para mercados como a Namíbia e os Estados Unidos. A fazenda Vinevale, com uma área de mais de 3 mil hectares, situada na província do Bié, desenvolve actividades desde 2004, e já gerou mais de dois mil empregos a cidadãos nacionais e tem representação nas províncias de Benguela e Cuando Cubango.

Colunistas