Connect with us

Sociedade

Bengo: polícia prende mulher acusada de abandonar recém-nascida num buraco

Published

on

Uma cidadã, identificada por Gracieth Nachimuca, de 28 anos, foi presa, na segunda-feira, 18, acusada de ter abandonado o seu próprio bebé, de um dia de vida, num buraco, o que resultou em lesões corporais graves a criança. O facto ocorreu no sábado, 16, na localidade do Desvio da Barra do Dande, tendo a recém-nascida sido socorrida com vida 24 horas depois.

A mulher confessou o crime em depoimento à polícia e alegou ter deitado a filha por motivo de seu marido ter uma relação amorosa com uma vizinha, quando a mesma ia trabalhar na lavra. Gracieth mostrou-se arrependida e confessou que depois de cumprir a pena nunca mais voltará a cometer o mesmo crime.

Na mesma operação, os serviços do Ministério do Interior, Polícia Nacional e o Serviço de Investigação Criminal no município do Dande realizaram uma busca dirigida, nos bairros Kawango e Desvio da Barra do Dande, que resultou na detenção de três cidadãos nacionais, com idades compreendidas 20 e 28 anos, acusados nos crimes de ofensas corporais voluntárias e furto de telemóvel nesta localidade.

De realçar que os referidos cidadãos serão presentes ao Ministério Público para ulteriores termos processuais.