Connect with us

Sociedade

Bengo: Polícia detém 15 cidadãos por crime diversos no município de Dande

Published

on

A Polícia Nacional e o Serviço de Investigação Criminal (SIC) do Bengo em coordenação com o SIC Luanda, deteram cerca de quinze cidadãos, durante uma micro-operação realizada recentemente que incidiu na localidade do Panguila e Musseque Capari no município do Dande e na cidade de Luanda, acusados na prática de vários crimes, com destaque para, homicídios qualificados em razão dos meios, roubo qualificado, furtos e tráfico de estupefacientes vulgo liamba.

Em entrevista aos órgãos de comunicação social, o intedente Gaspar Luís Carlos Inácio Director do gabinete de Comunicação Institucional da Delegação do Minint Bengo, disse que, dentre os detidos destacam-se, 02 cidadãos acusados no crime de homicídio qualificado em razão dos meios, seguido de roubo de uma viatura de marca Hyundai Grande i10, ocorrido no dia 14 de Dezembro de 2021, no Bairro do Musseque Capari no interior de uma residência.

De acordo com o responsável do ministério do Interior no Bengo, também foram detidos 05 cidadãos acusados no crime de homicídio qualificado em razão dos meios, ocorrido no dia 16 de Novembro, no interior da igreja católica no sector 02 do Panguila, em que foi vítima um cidadão nacional de 43 anos que exercia actividade de segurança privada, 04 cidadãos implicados no crime de roubo qualificado no interior da residência dos Padres na localidade do Panguila de onde terão subtraído 13.500 dólares norte americanos e uma viatura de marca Toyota Land Cruizer de cor branca, bem como 04 cidadãos acusados no crimes de furtos em residências e tráfico de estupefacientes vulgo liamba.

Gaspar Luís Inácio, salientou ainda que durante a operação foram recuperados 01 viatura de marca Hyundai Grande i10 de cor preta, 02 botijas de gás butano, 02 televisores e 02 telemóveis bem com a apreensão de 04 armas de fogo dentre as quais 03 do tipo AKM, 01 pistola de marca Teté e 30 kgs de estupefacientes vulgo liamba.

O porta-voz da delegação do Minint Bengo apelou a população para uma maior colaboração por parte de população com as forças da ordem na denúncias de todos os actos que atentem contra a ordem e tranquilidade pública na Província.