Connect with us

Sociedade

Bengo: Operação “Pincel Azul” desmantela rede de contrabando de combustível e frusta acção de grupo de marginais no Ambriz

Published

on

O Serviço de Investigação Criminal (SIC) e Polícia Nacional na província do Bengo, em coordenação com outras forças de defesa e segurança, no Município do Ambriz, desmantelaram, esta sexta feira,11, um grupo de supostos marginais e uma rede de contrabandista de combustível, em uma micro operação, denominada “Pincel Azul”, que incidiu nos Bairros Valódia, Musseque e na comuna do Tabi, município do Ambriz.

Segundo as forças da Ordem e de segurança no Bengo, a operação culminou com a detenção de nove cidadãos nacionais, com idades compreendidas entre os 18 aos 47 anos, acusados na prática de vários crimes, com destaque para os roubos, furtos e contrabando de combustíveis.

De acordo com uma nota do Gabinete de Comunicação institucional e imprensa da Delegação do MININT Bengo, a que o Correio da Kianda teve acesso, durante a operação, foi desmantelado um grupo de supostos marginais denominado “Os Buengas” composto por sete elementos, que se dedicavam na prática dos crimes de furtos e roubos, dentre os quais 02 na sequência investigativa por crime de uso e abuso de cartões multicaixas, ofensas graves à integridade física contra uma cidadã e 02 cidadãos de 42 e 47 anos, acusados no crime de contrabando de combustível na localidade da CRBC na comuna do Tabi.

Durante a operação denominada “Pincel Azul” foi possível a recuperação de 02 cartões multicaixas, 02 telemóveis, a apreensão de 367 bidões de 25 litros cada, 23 tamborões de 200 litros, 63 Steps de tamanhos diversos todos vazios, 1.795 litros de gasóleo e 400 litros de gasolina, que presumivelmente se destinavam ao contrabando.

Colunistas