Connect with us

Politica

Bengo: inscrições para novo concurso público na Educação abrem em Setembro

Redação

Published

on

O Governo Provincial do Bengo anunciou, nesta quarta-feira, 26, em Caxito, a abertura, a 01 de Setembro, do processo de inscrições para o novo concurso público na Educação.

Em disputa estarão  489 vagas para professores do ensino primário e secundário, cujos testes estão marcados para 22 de Outubro.

O concurso público realizado em 2019, na província do Bengo,  foi anulado devido as irregularidades constatadas no processo.

A ministra da Educação, Luísa Grilo, que falava, na terça-feira, no programa “Grande Entrevista”, da TPA, reconheceu ter havido graves irregularidades no processo, razão pela qual se determinou a sua anulação.

Luísa Grilo explicou que em alguns casos podem, até, configurar crime.

Avançou que o dossier está em posse da Procuradoria-Geral da República (PGR).

Entre as irregularidades, a ministra destacou os casos de jovens que fizeram provas no lugar de outrem, ausência do requerimentos a solicitar a vaga ou do cartão de inscrição e certificados falsos.

“O que aconteceu no Bengo poderia levar-nos, outra vez, a um sistema de professores com muitas deficiências”, referiu.

O despacho conjunto dos ministérios da Educação, Finanças, Administração do Território e da Administração, a que a Angop teve acesso, hoje, refere que o processo de inscrição terá a duração de 20 dias úteis.

“Aos candidatos sem agregação pedagógica para as carreiras técnicas profissionais será dada a oportunidade de a obterem quando estiverem a exercer”, lê-se no documento.

Apontam como impedimento ao concurso, candidatos com 35 anos sem justificação legal, certificados do ensino superior sem o reconhecimento do INAAREES, declarações de frequência de curso e certificados que habilitam o candidato a uma profissão diferente ao da docência, para as vagas do ensino primário.

A província do Bengo conta com 220 escolas primárias, sendo 211 públicas e nove privadas.

Estão matriculados nas escolas da Província do Bengo, neste ano lectivo, 99 mil e 886 estudantes do ensino primário, da 1ª à 6ª classe, e 10 mil e 19 alunos na iniciação.

Para assegurar o ano lectivo estão disponíveis quatro mil e 17 professores da iniciação, ensino primário, 1º e 2º ciclo.

Por Angop

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (23)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (78)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (15)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2020 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD