Conecte-se agora

Sociedade

Autocarros interprovinciais da Ango-Real circulam sem cintos de segurança

António Sacuvaia

Publicados

on

autocarros interprovinciais da ango-real circulam sem cintos de segurança - Autocarro AngoReal - Autocarros interprovinciais da Ango-Real circulam sem cintos de segurança

Os autocarros continuam a ser um dos meios de transporte terrestre mais seguro, e opcional para muitos Angolanos, e a procura pelos serviços das transportadoras de empresas privadas de transporte rodoviário, tem crescido quase todos os dias, tendo em conta os preços praticados pelas mesmas, se comparar com os transportes aéreos, que têm sido quase 10 vezes mais.

Se por um lado as operadoras ganham devido a procura, por outro, os clientes têm reclamado da falta de comodidade, e dos serviços oferecidos , que muitas das vezes têm sido precário, como é o caso da Transportadora rodoviária interprovincial da Ango-Real, que quase ou nada oferece para os seus clientes, mesmo depois de ter subido os preços das viagens de uma Província a outra.

A par dos serviços precários, estão também as constantes avarias durante as viagens, que acaba sempre por criar dificuldades, e atraso para quem por exemplo, tem um compromisso marcado, ou um negócio por realizar.

As constantes avarias, segundo fontes do Correio da Kianda ligadas aquela empresa, estão relacionados com a falta de manutenção dos autocarros daquela companhia, que segundo explica a nossa fonte, pouco tem se preocupado com os mesmos, alegadamente por já, serem, muitos deles antigos.

“ A Ango-Real tem tido autocarros novos, mas não metem na via. Também já nos perguntamos dos porquês que continuamos com os autocarros antigos, que quase todos os dias avariam no caminho. Conta a nossa fonte ligada a empresa.

Durante uma viagem feita por uma equipa do Correio da Kianda a Província de Benguela com aquela Companhia, foi, também possível constatar, para além das questões referenciadas acima, a falta de cinto de segurança num dos autocarros por onde viajamos, um dispositivo de proteção dos ocupantes, que serve, para em caso de colisão, impedir a projeção dos mesmos, dentro ou para fora do veículo.

Procuramos saber por parte de alguns passageiros regulares daquela companhia, se era o único sem aquele dispositivo, os nossos interlocutores afirmaram não ser, sendo quase todos os autocarros da Ango-Real estarem a circular nas rotas interprovinciais, sem cinto de segurança, o que certamente tem constituído preocupação por parte de muitos passageiros que primam pela sua segurança.

“ Eu sempre viajo com a Ango-Real, e quase todos autocarros deles não têm cinto de segurança. E isto é perigo, porque nós viajamos kilometros e kilometros. Conta, um dos passageiros com quem o Correio da Kianda conversou !

De lembrar, que o cinto de segurança no nosso País é obrigatório em todos os meios de transportes, e é assim, em quase todos os Paises do Mundo.

Continue Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Colunistas

Ana Margoso
Ana Margoso (14)

Jornalista

António Sacuvaia
António Sacuvaia (240)

Editor

Diavita Alexandre Jorge
Diavita Alexandre Jorge (12)

Politologo

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (13)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (14)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (60)

Jornalista

Victor Hugo Mendes
Victor Hugo Mendes (9)

Jornalista e Escritor

Walter Ferreira
Walter Ferreira (7)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

Publicação