Connect with us

Politica

Ataque à comitiva da UNITA resulta em um morto e 20 feridos no Cuando Cubango

Published

on

Uma comitiva de deputados da UNITA, em jornadas parlamentares, foi supostamente atacada esta sexta-feira, 12, no troço Longa-Cuito Cuanavale, província do Cuando Cubango.

O Secretário Geral da UNITA disse a instantes, à Rádio Correio da Kianda, que o acto foi perpetrado por supostos militantes do MPLA. A acção causou a morte de um integrante da comitiva, tendo deixado 20 outros feridos.

Álvaro Chikuamanga disse que esta prática é recorrente: “sempre que uma delegação do galo negro se desloca ao Município da Mavinga é alvo de ataque, numa acção que alegadamente conta com envolvimento de alguns sobas”.

Chikuamanga informou, por outro lado, que “as autoridades locais já estão a par do sucedido e exige responsabilização criminal dos autores desta pratica ignóbil em tempo de paz”.

A Rádio Correio da Kianda sabe que fazem parte da mesma comitiva os deputados João Muzaza, David Kissadila, dentre outros. A nossa redacção continua envidar esforços para ouvir o Comando Provincial do Cuando Cubango da Polícia Nacional, sobre o sucedido.

Jornalista multimédia com quase 15 anos de carreira, como repórter, locutor e editor, tratando matérias de índole socioeconómico, cultural e político é o único jornalista angolano eleito entre os 100 “Heróis da Informação” do mundo, pela organização Repórteres Sem Fronteira. Licenciado em Direito, na especialidade Jurídico-Forense, foi ainda editor-chefe e Director Geral da Rádio Despertar.

Continue Reading
2 Comments

2 Comments

  1. Eurico Pina

    12/04/2024 at 1:53 pm

    Já não é tempo de se terminar com este tipo de cobardia?
    Em quê, esse tipo de comportamento contribui para o nosso desenvolvimento.
    Em quê, esse tipo de comportamento contribui para acabar com a fome e a miséria?
    Quer o presidente constituir uma comissão para aquilatar das razões pelas quais o país não atrai turistas?
    MPLA, o tempo dos confrontos físicos já acabou, se não estão a conseguir os desideratos de uma governação, entreguem o testemunho, sejam ao menos patriotas.

  2. Pingback: UNITA desafiada a apresentar vítima de ataque à caravana no Cuando Cubango - Correio da Kianda - Notícias de Angola

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *