Connect with us

Sociedade

Assinala-se hoje o Dia Internacional do Jornalista

Published

on

O 8 de Setembro, Dia Internacional do Jornalista, foi instituído pelas Nações Unidas em homenagem ao jornalista checo Julius Fucik, assassinado nesta data em 1943.

Julius Fucik foi jornalista e membro do partido comunista da antiga Checoslováquia. Foi membro da resistência contra o nazismo na Segunda Guerra Mundial e acabou preso e morto em 8 de Setembro de 1943.

Julius Fucik revelou-se num acérrimo defensor da liberdade de imprensa e inspirava nos seus despachos a luta contra o fascismo e advogava ideais de independência dos povos oprimidos, o que lhe valeu, em 1950, o prémio da paz, a título póstumo, outorgado pelo Conselho Mundial da Paz.

Aliados ao pensamento de Fucik, jornalistas de todo o mundo consubstanciam a sua actividade profissional quotidiana à defesa das mais nobres aspirações dos povos (relacionadas com os direitos humanos, liberdade de expressão, melhoria das condições sociais, colocando muitas vezes em risco as próprias vidas). Em 2014 o mundo registou 66 mortes de jornalistas, maioritariamente no Médio Oriente.

A efeméride é uma homenagem a todos os profissionais que actuam nesta profissão, quer em jornais, televisão, rádio, assessoria de imprensa, internet etc.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *