Connect with us

Plantão Qatar

Argentina ergue troféu mundial e Messi conquista título que faltava

Published

on

Foi preciso 138 minutos para Messi e companheiros erguerem o título de tricampeão mundial pela selecção da “Albiceleste”, numa partida considerada “electrizante”, frente à forte França de Kiliam Mbappé, hoje, 18 de Dezembro, em Lusail Stadium, Doha, no Qatar.

A história da partida começou ao minuto 23, quando o craque Léo Messi converteu uma grande penalidade. Adiante, só dava Argentina, saindo em transições rápidas, deixando de rastos a defensiva francesa. Porém, foi ali que num contra ataque rápido partindo do meio campo, Enzo Fernandez isolou Messi, pela direita rasgou a defensiva contrária, deu a bola ao avançado Álvarez esse, por sua vez, cruzou e Di Maria só teve de empurrar para o 2-0. Eram passados 36 minutos da etapa inicial, resultado que os levou ao intervalo.

Na segunda metade do desafio, as duas equipas entraram com as mesmas atitudes, sendo a selecção “Albiceleste” a atacar mais, chegando com imenso perigo à baliza francesa, que viu o seu meio campo completamente desgastado.

Quando tudo parecia perdido, eis que ao minuto 79, o avançado Blaugana é devastado na área da Argentina e o árbitro não teve dúvidas e assinalou penálti a favor da França. O mesmo foi convertido pelo craque Kiliam Mbappé, no minuto 80 da partida, tendo feito a França renascer no jogo e passado 1 minuto, o irreverente Mbappé fixou o resultado em 2-2, no momento mais alto da partida, tendo deixado de rasto toda selecção “Albiceleste”, resultado que obrigou o prolongamento.

Neste momento do jogo, os dois treinadores procuraram refrescar as suas equipas, fazendo mexidas no xadrez. Foi assim que o meio campo fresco da Argentina arrasou a defensiva francesa, tendo feito um passe ao avançado Martinez, que rematou forte na baliza. Hugo Lorris defendeu e na recarga, Leonel Messi bisou no jogo para o delírio dos milhares de argentinos presentes em Lusail Stadium.

O jogo caminhava-se para o fim e os argentinos já cantavam “Olé! Olá!”, quando em um remate inofensivo, toca nas mãos de um defesa da Argentina, o árbitro, sem hesitar, assinalou a grande penalidade. Mbappé converteu e fez o seu Hat-Trick na partida, igualando o placar 3-3, na passagem do minuto 108 do prolongamento, forçando as grandes penalidades.

Já na marcação de penálti, a selecção gaulesa falhou duas bolas e os “Albicelestes” converteram todas, vencendo por 4-2 final, consagrando assim campeões do Mundial 2022.