Connect with us

Recent

Apple lança iPhone X a 999 dólares

Published

on

Há mais de um ano que se falava de um super iPhone, e hoje a Apple lançou-o: o iPhone X é um smartphone ultra premium com preço a condizer, que chegará às lojas a 3 de novembro. Vai custar 999 dólares antes de impostos, o que garante que na Europa terá uma etiqueta superior a mil euros. Será que justifica o preço tão elevado? É uma grande diferença em relação ao iPhone 8 (699 dólares) e 8 Plus (799 dólares), também apresentados hoje no novo Steve Jobs Theater, em Cupertino.

Esta é a edição de aniversário do smartphone, e é por isso que o nome se pronuncia “Ten” (dez) e não “xis”, como se pensava até agora. Reflete o redesenho profundo do iPhone pelo qual muitos especialistas e fãs clamavam há bastante tempo – desaparece o botão “Home” e o ecrã ocupa agora toda a superfície frontal do telefone, alargando-se assim para 5,8 polegadas e quase sem moldura. A Apple chama a este novo ecrã OLED com resolução 2436 por 1125 “super retina.”

Introduz o reconhecimento facial Face ID, que substitui o leitor de impressões digitais (não há botão para ele) e desbloqueia o iPhone quando o utilizador olha para ele. Permitirá fazer pagamentos com a cara e terá integração com aplicações de terceiros. “Foi precisa alguma da tecnologia mais avançada que alguma vez criámos”, disse o responsável global de marketing, Phil Schiller. Introduz uma série de novos gestos, incluindo tocar para “acordar” o telefone e deslizar do canto superior direito para ir ao centro de notificações. O processamento do reconhecimento facial é feito dentro do próprio telefone e é mais seguro que a impressão digital. Schiller explicou que a Apple introduziu um motor neural no chip A11 Bionic para conseguir lançar o Face ID.

“É o maior salto em frente desde o iPhone original”, disse Tim Cook, durante a apresentação dos novos telefones. Com grandes melhorias nas câmaras e os Animojis, em que o utilizador usa a sua expressão facial para criar emojis animados, o iPhone X distingue-se de forma definitiva do iPhone 8 e 8 Plus. O preço será certamente um impeditivo, mas a ideia da Apple é mostrar que ainda está aí para as curvas em termos de inovação. Como Cook disse, a empresa acredita que o iPhone X irá ditar a tendência da indústria tecnológica na próxima década – tal como o iPhone original fez.

No que toca às outras novidades, confirmaram-se os rumores: no iPhone 8 e 8 Plus, os destaques vão para as câmaras e para a realidade aumentada, suportada pelo chip A11 Bionic, novos sensores e giroscópios. Mantêm-se os tamanhos de ecrã e o preço é de 699 dólares para o iPhone 8 de 64 GB e 799 dólares para o 8 Plus com a mesma capacidade. A outra única opção de armazenamento passa a ser 256 GB.

Há ainda outra novidade – os três novos iPhones têm finalmente carregamento de bateria sem fios, algo em que a Apple ficou para trás há muito tempo. Aliás, a empresa está a desenvolver um tapete de carregamento, AirPower que sai no próximo ano e permitirá carregar vários dispositivos iOS ao mesmo tempo.

A nova Apple TV é 4K, como previsto, e vai custar 179 dólares. Já o Apple Watch Series 3 traz conectividade celular, passando a ser independente do smartphone, e custará 399 dólares.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *