Connect with us

Sociedade

Antigos combatentes pedem melhorias nas condições sociais no Alto Zambeze

Published

on

Acesso a pensão, aumento de subsídios de pensão para os assistidos e falta de habitação foram alguns pontos destacados no encontro de auscultação social, que contou com a participação de mais de 200 antigos combatentes, no Bairro Chipoia, na vila de Cazombo, Município do Alto Zambeze (Moxico).

No encontro promovido pela Administração Municipal, este Sábado, 05, melhorias na área da Saúde também foram solicitadas, com destaque para a falta de médico cirurgião para o Hospital Municipal, Bloco Operatório, Morgue e a construção de mais Centros de Saúde.

Outra situação levantada na reunião, de acordo com o comunicado enviado ao Correio da Kianda, prende-se com a melhoria no fornecimento de energia eléctrica e a reabilitação do troço que liga os Municípios do Luau – Alto Zambeze.

Por outro lado, o Administrador Municipal do Alto Zambeze, António Segunda Muquisse, acolheu as preocupações manifestadas no encontro e disse fazerem parte das prioridades da sua gestão, ligar o município da Alto Zambeze com o do Luau, “continuar a ser o apanágio da nossa luta, porquanto, com a asfaltagem desta estrada vai trazer desenvolvimento para esta bela parcela do território”.

“Vamos continuar a dialogar com todos os segmentos da vida social no sentido de catalogar os principais problemas que afligem o município para em conjunto dar solução aos mesmos problemas”, garantiu, António Muquisse.

Formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, a profissional actua no mercado de comunicação há 18 anos. Iniciou a sua carreira em 2004, apresentando um programa de rádio e logo migrou para a comunicação digital, para a impressa e, posteriormente, a institucional. Tem vasta experiência como web journalist, criação e gestão de redes sociais, tendo participado dos projectos de desenvolvimento de diversos sites, blogs e redes sociais governamentais, privados e do terceiro sector. Reside em Luanda desde 2012, tendo trabalhado como jornalista no portal de notícias Rede Angola, como assessora de imprensa e directora de Comunicação e Operações nas Agências NC - Núcleo de Comunicação e F.O.T.Y, atendendo diversos clientes governamentais e privados. Actualmente trabalha como editora do portal Correio da Kianda.