Connect with us

Politica

Angola terá auto-estrada que liga do Sul ao Norte

Published

on

Angola poderá ter em breve uma auto-estrada a ser construída por uma empresa chinesa, e deverá estender-se do Cunene ao Zaire, e uma ponte que se estenderá à Cabinda.

A notícia é veiculada pela agência Lusa, que cita o ministro das Obras Públicas, Urbanismo e Habitação, Carlos Alberto, que está na República Popular da China, onde fabricou o memorando para a sua construção.

Trata-se, de acordo com a Lusa, de um empreendimento de cerca de 1400 quilómetros de estradas, a ser construído pela empresa estatal chinesa China Road Bridge Corporation (CRBC).

“Essa autoestrada, que tem cerca de 1.400 quilómetros, ligará a parte sul de Angola com a vizinha Namíbia, até à parte norte de Angola, com a República Democrática do Congo”, disse o governante, citado pela agência portuguesa Lusa, acrescentando que a infraestrutura se vai estender da província do Cunene à província do Zaire e desta para Cabinda,  através de uma ponte, a ser construída através do mesmo contrato.

O referido projecto, de acordo com o governante, “será um corredor de desenvolvimento” que irá aproximar Angola das “regiões conexas, como a África Austral, a África Central e a África do Norte” e será uma forma de preparar os angolanos para os desafios que se avizinham.

O estudo para início da empreitada, segundo o governante, deve começar depois do fórum de Cooperação China-África, a decorrer de 3 a 8 de Setembro próximo, na cidade chinesa de Pequim.

O referido estudo deverá terminar em finais de 2025, prevendo-se o início das obras pouco tempo de depois, ainda em 2025 ou em 2026.

Em termos de custos, o ministro Carlos Alberto avançou que estão estimadas em 2.5 mil milhões de dólares. Já a fase de estudo, deverá custar entre 50 e 75 milhões de dólares americanos.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *