Connect with us

Politica

Angola quer oportunidades para empresários nacionais na Itália

Published

on

Rochas Ornamentais, Indústria da Madeira, Automóvel e Farmacêutica estão entre os sectores que o Presidente da República, João Lourenço, indicou aos investidores italianos para apostarem em Angola, bem como mencionou que o país tem interesse em ter empresários angolanos a actuarem na Itália.

“Angola está interessada no investimento privado italiano, mas também em abrir portas para a entrada de empresários angolanos na Itália”, destacou, o Chefe de Estado, em declarações à imprensa, depois do encontro que manteve com o homólogo italiano, Sergio Mattarella, no Palácio do Quirinal, em Roma. esta quarta-feira, 24.

Por sua vez, o presidente italiano referiu que a cooperação entre Angola e Itália “cresceu consideravelmente em 2022, sobretudo no sector energético”.

Informação reforçada por João Lourenço, que destacou que “a presença italiana em Angola hoje está limitada sobretudo no sector energético, Agricultura, e de alguma forma na Defesa e Segurança”.

Também hoje, o Chefe de Estado angolano foi recebido, no Palácio de Chigi, em Roma, pela Primeira-Ministra italiana, Giorgia Meloni.

João Lourenço participa em fórum de negócios na Itália