Connect with us

Politica

“Angola é dos países africanos que mais progrediu no combate ao branqueamento de capitais” – UE

Published

on

A embaixadora da União Europeia (UE) afirmou durante a abertura do Workshop sobre Riscos de Branqueamento de Capitais relacionados com negócios designados não financeiros, que Angola é dos países de África que mais progrediu no domínio do combate ao branqueamento de capitais e matérias conexas.

Rosário Bento Pais revelou que Angola e a UE assumiram compromissos políticos internacionais estratégicos com vista a promover políticas sustentáveis nestes domínios.

A embaixadora da União Europeia contou que fruto de um trabalho persistente e convergente por parte das autoridades angolanas ligadas à justiça e da UE, o programa implementado pela UNODC tem vindo a afirmar-se cada vez mais como importante instrumento de apoio ao sistema de justiça, colocando Angola num dos países da África que mais progrediu no domínio do combate ao branqueamento de capitais.

A representante da UE em Angola assinalou que, actualmente, os países em todo o mundo sentem, cada vez mais, a necessidade de fortalecer os seus sistemas judiciais de ferramentas que lhes permitam prevenir, combater e travar estas correntes estruturadas de ilegalidade.