Connect with us

Politica

“Angola continuará a jogar o seu importante papel no processo de pacificação em África”

Published

on

“Angola continuará a desenvolver a sua política externa com base nos princípios do respeito e igualdade entre os Estados, de resolução pacífica dos conflitos, de cooperação entre os povos, do progresso e de justiça social”, ressaltou este domingo, 12, o Ministério das Relações Exteriores, por ocasião do Dia do Diplomata Angolano, hoje celebrado.

“Continuará também a sua estratégia de promoção da sua inserção competitiva no contexto internacional e de tirar as maiores vantagens da cooperação internacional de modo a elevar sempre, e cada vez mais, a qualidade de vida do povo angolano, refere o comunicado do MIREX ao qual o Correio da Kianda teve acesso.

O documento destaca, igualmente, que “o país continuará a jogar o seu importante papel no processo de pacificação em África, em particular nas regiões onde está inserida, nomeadamente na SADC, na CGG, na CEEAC e na CIRGL”.

“A aposta numa política de diplomacia da paz, por via de mecanismo de prevenção e resolução de conflitos, diálogo permanente, e a promoção da cooperação bilateral com os países vizinhos, baseado nos princípios da igualdade, de vantagens recíprocas e do respeito pela soberania, fazem parte dos desafios do Ministério das Relações Exteriores”, lista a nota.

O documento encoraja ainda todos os diplomatas a contribuirem de forma efectiva e eficaz para a diversificação da economia através da captação do investimento estrangeiro, que, segundo o MIREX, representa a diplomacia da governação de João Lourenço

Internamente, o Ministério das Relações Exteriores espera prosseguir com as reformas em curso, dentre elas, o programa de redimensionamento das Missões Diplomáticas e Postos Consulares, “ajustando assim, o funcionamento destas à actual conjuntura económica e financeira do país”.

Colunistas