Connect with us

Politica

Analista considera legítima intenção de Sapalo António concorrer à liderança do PRS

Published

on

O antigo deputado e ex-Vice-Ministro da Ciência e Tecnologia do Governo de Unidade e Reconciliação Nacional, Sapalo António, manifestou esta quarta-feira,  31, a intenção de concorrer a liderança do PRS, tendo em conta o congresso previsto para os dias 2, 3 e 4 de Abril de 2024.

Sapalo António manifestou essa intenção durante uma conferência de imprensa, em Luanda, onde prometeu trabalhar para a inclusão do partido e reconquistar a sua mística, com vista a contribuir para o desenvolvimento do país. O político disse que “a sua candidatura é por Angola e, por PRS, num país reconciliado e coeso”.

O politólogo Rui Kandove considera de legítima a intenção do político Sapalo António concorrer à liderança do PRS, a julgar pelo percurso do antigo deputado.

Kandove entende, por outro lado, que Benedito Daniel está há 12 anos no leme do partido enquanto Secretário-Geral e Presidente do PRS, sem registo de crescimento ao nível das bases e no parlamento.

Rui Kandove defende uma nova abordagem ao nível do PRS, e julga que só os militantes saberão julgar se Sapalo António é a melhor ou não aposta para o partido dos renovadores sociais.

Até o final de Janeiro último, a direcção cessante do PRS tinha avançado que Sapalo António não poderia concorrer à liderança do partido por este estar afastado do Conselho Político, órgão que habilita os militantes a concorrer a presidência, argumento minimizado por Sapalo António.

Jornalista multimédia com quase 15 anos de carreira, como repórter, locutor e editor, tratando matérias de índole socioeconómico, cultural e político é o único jornalista angolano eleito entre os 100 “Heróis da Informação” do mundo, pela organização Repórteres Sem Fronteira. Licenciado em Direito, na especialidade Jurídico-Forense, foi ainda editor-chefe e Director Geral da Rádio Despertar.

Colunistas