Connect with us

Politica

África do Sul quer aumentar número de empresários em Angola

Published

on

O governo da África do Sul quer ver mais empresários do seu país a investirem em Angola. A pretensão foi manifestada, nesta segunda-feira, pelo Embaixador daquele país em Angola.

Segundo o diplomata, o número de empresas Sul africanas a operar no mercado angolano tem vindo a crescer, em consequência da melhoria do ambiente de negócios que Angola apresenta.

Para o embaixador, pelo menos 30 empresas privadas da África do Sul estão interessadas em se firmar em Angola, a operar no fornecimento de produtos.

O diplomata disse que o mercado angolano tornou-se o mais atrativo da região austral do continente africano, razão pela qual pretende que o número de 22 empresas privadas aumente para 30, que operam em diversos sectores.

“Temos boas relações comerciais. Temos cerca de 22 empresas Sul africanas a operar em Angola. Apesar disso, queremos que venham mais empresas para reforçar a nossa relação de cooperação e assegurar que as relações comerciais estejam boas com o apoio da Câmara de comércio”, disse.

Sublinhou que muitas das empresas do seu país, e que estão a interessadas em operar em Angola, estão interessadas na criação de parcerias com empresas homólogas angolanas, dos sectores do pão, bebidas, carnes, entre outros produtos.

“Penso que estamos a cobrir uma área vasta e penso que vamos fazer mais nos próximos cinco anos, no sentido de ter mais de 30”.