Connect with us

Sociedade

Adolescentes estão a começar vida sexual com 12 anos denuncia, INAC

Published

on

Os professores e técnicos de saúde mostram-se preocupados com o elevado índice de gravidez precoce, em Luanda.

Segundo dizem, “os adolescentes têm apetência descontrolada pelo sexo e, não observam as medidas de prevenir a gravidez e as doenças sexualmente transmissíveis”.

Algumas “mães crianças” reconhecem que conselhos não faltaram, mas “pela irresponsabilidade caíram nessa situação”, que especialistas consideram de preocupante e associam o fenómeno a desinformação sobre gravidez e métodos contraceptivos.

Por seu turno, a Directora Nacional Adjunta do INAC, Elsa Gourgel, disse que as adolescentes estão a começar a vida sexual activa aos 11 ou 12 anos, pelo que pediu as autoridades sanitárias e actores ligados ao processo de ensino e aprendizagem, no sentido de informar as adolescentes sobre as medidas de prevenir a gravidez e as doenças sexualmente transmissíveis.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas