Connect with us

Politica

Administradora do Distrito Urbano do Futungo constituída arguida

Published

on

A Administradora do Distrito Urbano do Futungo, Virgínia Seixas Isaias de Oliveira, foi recentemente constituída arguida e está impedido de sair do país, disse ao Correio da Kianda uma fonte junto da Procuradoria-geral da República.

Em causa está uma investigação a alegada cobranças ilegais e abusivas de avultadas somas de dinheiro resultantes da actividade de remoção de veículos automóveis no Municipio do Talatona.

O processo que leva já alguns dias de investigação após denúncia de um cidadão e munícipe do Talatona, já originou na detençao do Director Municipal de Fiscalização do Município de Talatona, conhecido por Varanda, na última sexta-feira.

Apos interrogatorios, Varanda terá confessado o envolvimento de outras figuras no esquema milionario, dentre elas a Administradora Distrital do Futungo.

Recorde-se que o caso de remoções de veículos por parte Fiscalização do Governo Provincial de Luanda tem sido motivo de várias discussões na sociedade angolana com destaque a comunidade jurídica que defende que o GPL tem estado a usurpar competências que não são suas, pois, aquela é atribuição da Polícia Nacional, através da sua Direcção Nacional de Viação e Trânsito.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *