Connect with us

Destaque

Adaberto Katchiungo em vias de Criar Partido: Movimento para União Democrática de Angola – Frente Patriotica (MUDA-FP)

Published

on

Ex-Secretário Provincial da Coligação Convergência Ampla de Salvação de Angola – Coligação Eleitoral (CASA-CE), Adalberto Katchiungo, depois do seu “divórcio tumultuoso” com a organização política de Abel Epalanga Chivukuvuku, funda o seu próprio projecto político.

O político já começou as suas andanças na cidade capital (Luanda), onde foi estabelecendo alguns contactos com algumas individualidades da sociedade civil para abraçarem a sua causa e o seu projecto político. De acordo a fonte do Correio Kianda, ontem, o político manteve encontro com algumas individualidades conhecidas da nossa praça, o jurísta Albano Pedro, ex-militante da extinta Frente para Democracia (FpD), agora nas vestes de Bloco Democrático (BD) e comentarista da MFM e líder da Plataforma Juvenil para a cidadania, Walter Ferreira que não mostraram interesse em abraçar o projecto. Neste encontro também estava convocado o sociologo João Paulo N’ganga, mas que não se fez presente.

O encontro teve lugar na urbanização do Nova Vida, no município de Luanda, onde o político manteve uma conversa aprofundada com os “opinion maker’s”. É imperioso relembrar aos nossos leitores e internautas que, Adalberto Katchiungo já renúncio a sua militância a CASA-CE, que de acordo a nossa fonte, muitos secretários províncias da CASA-CE estão com ele, e aguardam por sinal do Katchiungo para renunciarem a sua militância a CASA-CE. A titulo de exemplo, o representante da CASA-CE em Portugal, António Correia, já deixou claro a sua posição em abraçar o novo projecto político do ex-secretário provincial.

O político afirmou no seu post na rede social (facebook), que “a minha participação política é axiológica, para mim só vale se juntar algum valor acrescido real no sentido de viabilizar a Angola e os angolanos. De contrário, não passa de charlatanice”.

Em relação ao presidente da CASA-CE, Katchiungo afirma que “o comício que Abel Chivukuvuku fez (…) no Lobito, a CASA-CE é um embuste, é uma armadilha, mas quem montou esta armadilha vai ser ele próprio também vítima da sua própria armadilha. Agora que conheço melhor a peça (Abel Chivukuvuku), tenho o dever moral de ir chamando atenção sobre os cenários dos seus aliados de hoje de circunstância”.

Em relação à coligação, Aldaberto Katchiungo afirma que “CASA-CE não é oposição, a CASA-CE é uma manobra de diversão para atrair o voto cansado com a governação do regime do MPLA e desconfiado da UNITA”.

O político prometeu revelar nos dias vindouros mais informações e documentos (oficias) comprometedoras do presidente da CASA-CE, sendo ele um duplo agente mandado, da Agência Central de Inteligência (CIA) serviço de inteligência norte-americana e, do Serviço de Inteligência e Segurança de Estado (SINSE), serviço de inteligência angolana.

Correio da Kianda, está a evidenciar esforços no sentido de trazer a versão do Abel Chivukuvuku sobre acusações e factos que lhe foram imputados pelo seu Ex-Secretário.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas