Connect with us

Politica

Abel Chivukuvuku nega desvio de dinheiro da CASA-CE

Published

on

O presidente da CASA-CE, Abel Chivukuvuku, negou terça-feira, as acusações sobre má gestão e desvio de 15 milhões de dólares norte-americanos da coligação.

As acusações foram feitas por representantes do PALMA, PADDA-AP, PPA, PNSA e PDP-ANA, cinco dos seis partidos que compõem a força política.

Abel Chivukuvuku, que falava para a Rádio Nacional Angola (RNA), afirmou que os representantes dos cinco partidos políticos em questão estão a agir de má fé, acusando-os de pretenderem atingir a qualquer custo a presidência da coligação.

O político assegura que nunca movimentou dinheiros da CASA-CE, nem recebeu salários ou subsídios da coligação, salientando que o “gestor da CASA-CE é o senhor Alberto André Muanza, que é vice-presidente do partido PADDA- AP, do presidente Alexandre Sebastião André. São eles os gestores da CASA -CE”.

Abel Chivukuvuku criou a 3 de Abril de 2012 a coligação CASA-CE. A coligação tornou-se na terceira maior força política do país, depois do MPLA e da UNITA.