Connect with us

Sociedade

Abandono de corpos de recém-nascidos preocupa autoridades no Bié

Published

on

O hospital Dr. Walter Strangway, na província do Bié, registou nos últimos dois meses o abandono de 52 corpos de recém-nascidos, o que preocupa as autoridades sanitárias locais.

A direcção do referido hospital tem recorrido a administração local para realizar os funerais dos cadáveres abandonados.

O chefe da morgue do hospital Dr. Walter Strangway, Alfredo Capiñala, disse que depois do parto e declarado óbito, os recém-nascidos são abandonados e os familiares alegam falta de condições para fazer o funeral, acabando por deixar toda a responsabilidade à direcção do hospital.

“Tivemos um total de 52 bebés, dos quais 22 do sexo feminino e 30 do sexo masculino, no total geral são 65 cadáveres abandonados, então emitimos um documento a administração municipal no sentido de solicitar ao órgão sobre estes casos, temos tido um bom sucesso na correspondência com administração”, disse.

O responsável da morgue revelou, igualmente, o abandono de 13 cadáveres com as idades compreendidas entre 15 e 63 anos, o que tem estado a criar constrangimentos no normal funcionamento da morgue por falta de espaço.

“De Janeiro a Dezembro tivemos um número elevado de corpos abandonados na morgue do hospital, 13 corpos abandonados pelas famílias dos quais 11 do sexo masculino e dois do sexo feminino”, denunciou.