Connect with us

SADC

A procura de 100 Jovens Independentes com impacto nas diversas comunidades da região da SADC em 2019 já começou

Published

on

Iniciou a procura dos Top 100 Jovens Independentes (TYI na sigla em inglês) que são jovens líderes inspiradores e aspirantes a líderes na África subsaariana. O concurso dos Top 100 Jovens Independentes agora no seu quinto ano, visa identificar os jovens que estão envolvidos em projectos que contribuem para o desenvolvimento das suas comunidades, contra todos os obstáculos.

O Top 100 Jovens Independentes oferece aos pioneiros, influenciadores, disruptores, curadores, inovadores, empreendedores, criativos e activistas sociais a oportunidade de mostrar as suas contribuições e esforços comunitários para o desenvolvimento da comunidade. As inscrições estão abertas a jovens entre 18 e 35 anos de idade.

Mike Ntsasa, membro fundador do Top 100 Jovens Independentes, afirma: “Plataformas como a Top 100 Jovens Independentes proporcionam-nos a oportunidade de celebrar a excelência africana. A plataforma permite-nos focar na contribuição dos jovens na reformulação das suas comunidades e do continente.

“Queremos celebrar os agentes de mudança no nosso continente, apoiar e incentivar a expansão destes esforços para o crescimento e desenvolvimento de África. Reconhecemos que com o apoio, os jovens podem expandir os seus projectos para criar um maior impacto”, disse Ntsasa.

Ntsasa adiantou, “Após o sucesso das quatro campanhas TYI anteriores e a decisão de lançar a iniciativa em todo o continente africano, o TYI tornou-se mais do que apenas um concurso para reconhecer o trabalho que está a ser feito pelos jovens; é uma revelação da energia e paixão que os jovens têm pelo desenvolvimento de soluções a fim de mudar o continente. Além disso, permite-nos alcançar a nossa visão de criar plataformas continentais para que os jovens possam conectar-se e envolverem-se sem fronteiras”.

As inscrições aos prémios cobiçados serão consideradas em cinco categorias, nomeadamente:

  • Inovadores: reconhece os jovens que inventam novos produtos, ideias de negócios ou serviços que estão a mudar a maneira como vivemos, trabalhamos e nos divertimos;
  • Influenciadores: reconhece os jovens que influenciam as acções e os comportamentos de marcas, políticas e pessoas;
  • Pioneiros: reconhece os jovens que lideram diversos campos a nível local e até mesmo internacional, incluindo as principais estrelas do desporto, académicos, cientistas e líderes empresariais;
  • Curadores: reconhece os jovens que se sentem movidos a curar o nosso planeta e a sociedade com as suas mãos e cabeças;
  • Disruptores: reconhece os jovens que desafiam o status quo com ideias não convencionais.

Os prémios no valor de US $ 18.000,00 serão distribuídos entre os vinte vencedores selecionados em cada categoria, incluindo os segundos classificados, para ajudar a apoiar os seus projectos.

Os candidatos que disputam o cobiçado título de “Jovens Independentes” devem ter entre 18 e 35 anos de idade, ser líderes nos seus respectivos domínios, e devem ser cidadãos de qualquer país da região da Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC), nomeadamente Angola, Botswana, República Democrática do Congo (RDC), Comores, Lesoto, Malawi, Madagáscar, Maurícias, Moçambique, Namíbia, Seychelles, África do Sul, eSwatini, Tanzânia, Zâmbia e Zimbábue.

Os candidatos anteriores também podem participar no concurso.

“Estamos satisfeitos em abrir novamente a edição de 2019 dos prémios Top 100 Jovens Independentes. A África é um continente jovem que está repleto de talento e potencial. Acreditamos que este concurso proporcionar-nos-á a oportunidade de descobrir jovens dinâmicos que fazem uma diferença positiva nos seus respectivos domínios e comunidades, e estamos ansiosos para aprender mais sobre os projectos em curso em África para desenvolver as diferentes comunidades na região”, comenta Nosipho Nyide, jornalista multimídia do TYI.

As inscrições para qualquer uma das cinco categorias podem ser enviadas on-line em www.tyi.co.za. A data de encerramento das inscrições é o dia 14 de Junho de 2019. Os vencedores serão anunciados num evento de gala que será realizado em Joanesburgo, África do Sul, a 29 de Agosto de 2019.

As inscrições serão escurtinadas por um júri representativo de todos os países da SADC.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *